Reunião familiar: o cônjuge

Mesmo que apenas uma pessoa do casal tenha um emprego na Alemanha, a outra parte : parceiro(a) gostaria de vir, é claro. Este não é um grande problema na Alemanha, apenas alguns passos precisam ser dados.



Você, a pessoa que trabalha na Alemanha, deve ter uma autorização de residência válida ou uma autorização de liquidação ( redimentos econômicos ). Além disso, você deve ter um apartamento ou casa ( alugado ou proprío ) no qual o parceiro possa morar. Além disso, você precisa de seguro de saúde e sua renda deve ser alta o suficiente para garantir ao seu cônjuge. Portanto sua renda deve ser suficiente para sustentar o cônjuge e pagar todos os custos de subsistência. O cônjuge deve ser maior de idade e ter conhecimentos básicos de alemão. Obs: conhecimento do alemão não é necessário se você veio à Alemanha como uma pessoa altamente qualificada ou como pesquisador ou se o parceiro vier da UE, Austrália, EUA, Israel, Japão, Canadá, Coréia ou Nova Zelândia. No entanto, as habilidades no idioma alemão são obviamente desejáveis.


Para obter o visto correto, o parceiro no Brasil deve primeiro entrar em contato com a Embaixada da Alemanha. Aqui é solicitado o reagrupamento familiar. Os documentos necessários para isso são: passaporte, comprovante de casamento e, se necessário, outros documentos. Como o processamento do aplicativo leva algum tempo, você deve começar o processo o quanto antes possivel.


Depois que o parceiro chegar à Alemanha, ele deve se registrar no escritório de registro. Além disso, nos primeiros três meses, a autorização de residência deve ser solicitada no departamento de imigração. Para esse passaporte, devem ser apresentadas certidões de nascimento e casamento, certidões salariais ou fiscais, comprovantes de aluguel e possivelmente outros documentos. Depois que a autorização de residência é emitida, o parceiro pode se candidatar facilmente a empregos também.

19 Ansichten

Endereço.

Schlossstr. 26 

12163 Berlin 

Alemanha

© 2019 by trabanhá